19 de Agosto de 2017,

Cidades

A | A

Sábado, 12 de Agosto de 2017, 10h:54 | Atualizado:

LIXO

Garis voltam a paralisar coleta em Cuiabá


Diário de Cuiabá

locar.jpg

 

Garis e motoristas que trabalham na coleta de resíduos domésticos paralisaram as atividades, em Cuiabá. Ontem, nenhum dos 30 caminhões saiu do pátio da empresa Locar Saneamento Ambiental, responsável pelo serviço, deixando bairros das regiões norte e leste sem o recolhimento do lixo produzido nas últimas 24 horas. A Prefeitura Municipal garantiu que os serviços foram restabelecidos ainda no período vespertino. 

“A greve foi deflagrada por tempo indeterminado ou até que a empresa faça o pagamento das verbas rescisórias da Ecopav e libere o pagamento do seguro e do FTGS e contrate os demais funcionários da Ecopav, conforme está previsto na cláusula 18ª da convenção trabalhista”, informou o presidente do Sindicato de Limpeza Urbana de Mato Grosso (Sindilimp), Wenderson Alves. 

Segundo ele, a nova empresa ainda precisa contratar aproximadamente 60 funcionários, que faziam parte do quadro da antiga empresa. A Locar assumiu os serviços recentemente, após a prefeitura rescindir o contrato com a Ecopav Soluções Urbanas, que alegou problemas não resolvidos no início do ano passado e apresentou uma oferta de realinhamento de contrato, o que resultaria em uma provável oneração dos cofres públicos. 

Porém, conforme Alves, a Locar vem operando com um quadro insuficiente de trabalhadores e caminhões que gera sobrecarga de trabalho, além de descumprir com a obrigação contratual de assumir os coletores. “A empresa está com frota insuficiente. Eram para estar rodando 35 caminhões, conforme rege o contrato firmado com a prefeitura”, afiançou. 

Alves informou ainda que o contrato também prevê a atuação de 204 trabalhadores divididos entre os períodos diurno e noturno, mas estão sendo empregados apenas 150, ou seja, 54 funcionários a menos. “O desfalque é grande, o que configura até como trabalho escravo por conta da jornada excessiva”, denunciou. 

Com a deflagração da greve, os trabalhadores permaneceram em frente à sede da empresa, às margens BR-364, no Distrito Industrial. Policiais militares estiveram no local para manter a segurança e a ordem. Ontem, a coleta seria feita em bairros do Grande CPA, Dr. Fábio, Alvorada, Paiaguás, Santa Isabel, Santa Amália e Verdão. 

Por meio da assessoria de imprensa, a administração municipal informou que foi celebrado um acordo entre a administração municipal, a empresa e os trabalhadores, colocando fim na paralisação dos serviços. "A Prefeitura de Cuiabá está em dia com os compromissos com as empresas. Mesmo assim, segue intermediando insistentemente a negociação com a Ecopav em prol dos trabalhadores. No entanto, o município não aprova a paralisação do serviço de coleta e está tomando as providências junto a Procuradoria Geral do Município para que a população seja prejudicada com a paralisação parcial dos serviços de coleta de lixo", afirmou. 

 

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Emanuel | Domingo, 13 de Agosto de 2017, 00h27
    2
    13

    Esses garis pnc ficam cheirando merda o dia inteiro e depois quer pagar de bacana, certo tá o prefeito, quem mandou ser pobre tem q sfd mesmo, garis que não catam direito o lixo nosso aqui no J A Jardim das Américas, Minha casa tem muro alto, pode jogar lixo a vontade. Mascara pra Gari, quanta frescura, gari tem mesmo é que cheirar bosta misturada com repolho estragado...

  • SALAS | Sábado, 12 de Agosto de 2017, 14h55
    9
    2

    TOTAL IRRESPONSABILIDADE DAS EMPRESAS, COM A CONIVÊNCIA DO GOVERNO MUNICIPAL, POIS, PELAS PUBLICAÇÕES RECENTES E DIVERSOS SITES, A PREFEITURA SEQUER PREOCUPA-SE EM MONITORAR SE A EMPRESA REALMENTE ESTA CUMPRINDO AS OBRIGAÇÕES CONTRATUAIS, TIPO, QUANTIDADE DE CAMINHÕES E CONDIÇÕES DE USO DA FROTA, BEM COMO A QUANTIDADE DE GARIS E AS CONDIÇÕES A QUE SÃO SUBMETIDOS...DEPOIS QUEREM VOTOS, SAI FORA.

  • Jota filho | Sábado, 12 de Agosto de 2017, 12h02
    17
    3

    Enquanto isso nosso prefeito de faz de conta, está juntamente com os seus puxa-sacos, está passeando nos States.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS