28 de Julho de 2017,

Entrelinhas

A | A

Segunda-Feira, 17 de Julho de 2017, 15h:08 | Atualizado:

CONFISSÃO DE SILVAL

"Secretários cobram propina com prazer"

silval-audiencia.jpg

 

Ao confessar que liderou um esquema de cobrança de propina durante sua gestão em Mato Grosso, o ex-governador Silval Barbosa (PMDB) negou ter pressionado ou ameaçado secretários para cometerem crimes. Em depoimento a juíza Selma Arruda, Silval relatou que todos os denunciados participavam das fraudes por livre e espontânea vontade e atribuiu o recebimento de vantagens indevidas como o motivo de participação deles.

Da mesma forma, ele negou qualquer tipo de ameaça a algum empresário, insinuando que eles também concordavam com a propina. “Eles não eram pressionados, eles iam com maior prazer principalmente porque sabiam que tinha vantagem. Assim como os empresários: só fazem porque tinham vantagem”, disse o ex-governador.

 

 

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • edy marcos | Segunda-Feira, 17 de Julho de 2017, 19h43
    4
    0

    Eu acredito no Sinval....Agora anular as outras delações mentirosas e meter todos na cadeia.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS