23 de Outubro de 2017,

Polícia

A | A

Quinta-Feira, 20 de Abril de 2017, 12h:08 | Atualizado:

"Cafetinas" são presas por exploração sexual em MT


Gazeta Digital

Duas mulheres foram presas em Ribeirão Cascalheira (900 km a leste de Cuiabá), acusadas de explorarem a prostituição no município. Crime de rufianismo, conhecido popularmente como o praticado por "cafetões", tira proveito da prostituição alheia.

As suspeitas Maria Conceição de Jesus, 37 e Aldicelia Cohen Neves, 30, foram localizadas nos 2 bares onde funcionavam os locais de prostituição. Cinco mulheres foram encontradas em quartos nos bares, onde eram vendidas bebidas alcoólicas aos clientes.

Segundo a Polícia Militar, o "Bar da Rosi" e o "Bar da Vânia" são pontos de prostituição na cidade. Em um dos bares, policiais encontraram um caderno de anotações, com nomes das mulheres que alugavam os quartos. Máquinas de cartões de crédito foram apreendidas.

As suspeitas foram presas por determinação de mandado de prisão expedido pela juíza Janaína Cristina de Almeida. Pena para o tipo de crime é de reclusão de 1 a 4 anos, e multa.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS