19 de Setembro de 2017,

Polícia

A | A

Quarta-Feira, 13 de Setembro de 2017, 23h:35 | Atualizado:

VEJA O VÍDEO

Motociclista "voa" após acidente em cruzamento no Centro de Cuiabá


Da Redação

moto-voando.jpg

 

Um vídeo mostra o motociclista literalmente “voando” após uma colisão com um veículo no cruzamento da Rua Major Arnaldo de Matos com a Avenida Marechal Deodoro, no bairro Goiabeiras. O acidente ocorreu na tarde do último domingo (10). 

Não há informações sobre o estado de saúde da vítima. 

O motociclista é arremessado e bate em um muro de um estabelecimento que fica na esquina do lugar. Não é possível ver se o motorista do carro prestou socorro à vítima. 

As imagens já foram enviadas a Secretaria de Mobilidade Urbana para verificar o problema no local.  De acordo com as informações, constantemente ocorrem acidente neste cruzamento.

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • WILSON | Quinta-Feira, 14 de Setembro de 2017, 11h36
    0
    0

    Claison, errado é você ter esse tipo de pensamento, você consegue ver a grande idiotice que disse?

  • Claison | Quinta-Feira, 14 de Setembro de 2017, 09h51
    3
    8

    Estando certo, já esta errado pelo fato de ser MOTOQUEIRO

  • Rodrigo | Quinta-Feira, 14 de Setembro de 2017, 09h47
    2
    2

    Preferencial e do motoqueiro motorista do carro deveria ser preso.

  • Bernardes | Quinta-Feira, 14 de Setembro de 2017, 09h44
    5
    1

    Excesso de velocidade sim, Sr. GUSTAVO. Se ele tivesse na velocidade permitida, nao teria batido no carro. Irresponsável sim, esses motoqueiros de Cuiabá. Parecem que só eles trabalham. Só eles precisam chegar. Só eles precisam trafegar. Tá aí o resultado. Aposto que agora vai mudar de comportamento no trânsito.

  • alana | Quinta-Feira, 14 de Setembro de 2017, 09h24
    3
    0

    Se sobreviveu ou sobreviver sem nenhuma sequela permanente é milagre. Grande parte dos acidentes envolvendo carros e motos são causados por irresponsabilidade de motoristas, mas não são todos. Houve uma irresponsabilidade se realmente o motorista tinha obrigação de parar aí. Toda a velocidade da motocicleta coloca quase toda a responsabilidade no motoqueiro. Sempre se deve parar ou reduzir em cruzamentos, mesmo que a preferencial seja sua, mesmo sinalizado, mesmo com semáforo ou pardal, a não ser que VC esteja numa Avenida do CPA, Miguel Sutil, Fernando Correa, FEB, algo assim. Até na Beira Rio já morreu gente por ser invadida. Depois do acidente alegar que VC estava na preferencial não vai te livrar das consequências. Mesmo que só aja danos materiais VC vai perder de 5 min à meia hora o mais ali, e talvez o resto dia prejudicado, fora espera de oficina. Resumo: não compensa.

  • SAMUEL | Quinta-Feira, 14 de Setembro de 2017, 09h14
    0
    3

    Pqp!!! Um cruzamento com mão dupla só em Cuiabá mesmo, que Semob burra do karalio, o que fazem os engenheiros de lá!?

  • Daniel | Quinta-Feira, 14 de Setembro de 2017, 07h55
    4
    0

    Infelizmente tem muito Motorista e Piloto que para andar 100 metros eles tem que atingir 200 km/hora. Exemplo pratico, quando abre um sinal de trânsito parece uma largada de Formulá 1, uma disputa de arrancadão para ver quem chega primeiro aonde?? no próximo sinal que estará fechado. Não estou dizendo que é o caso acima, mas se não tivermos educação no trânsito, consciência, amor próprio e amor, ao próximo, a tendencia é só piorar.

  • Gustavo | Quinta-Feira, 14 de Setembro de 2017, 06h53
    18
    2

    Ali está bem sinalizado. Tem placa e sinal horizontal. O que falta é atenção de motorista. O carro devia ter parado. Não adianta agora querer culpar o motoqueiro por excesso de velocidade.

  • Gustavo | Quinta-Feira, 14 de Setembro de 2017, 06h53
    16
    4

    Ali está bem sinalizado. Tem placa e sinal horizontal. O que falta é atenção de motorista. O carro devia ter parado. Não adianta agora querer culpar o motoqueiro por excesso de velocidade.

  • Rui | Quinta-Feira, 14 de Setembro de 2017, 05h53
    14
    22

    MOTOQUEIRO. TUDO LOUCO. OLHA A VELOCIDADE DO CARA. NAO VALORIZAM NEM A PRÓPRIA VIDA

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS